sábado, 5 de março de 2016

Indústria Futebol Clube Cebolense

Fundação: 1944
Localidade: Cebolais de Cima, Castelo Branco
Modalidades: Futebol de 11
Casa: Campo dos Fiéis

O Indústria Cebolense está localizado na aldeia de Cebolais de Cima, não muito longe de Castelo Branco, foi criado na altura numa próspera terra de industria, particularmente a da tecelagem, onde um dia se decidiu fazer uma equipa de futebol que era sobretudo composta por operários, que nos tempos livre realizam jogos amigáveis. Apesar dos contratempos iniciais com os campos onde jogava, o Indústria ergue-se como um clube do povo, realizando várias atividades, na parte desportiva, a equipa de futebol começou a jogar nas competições federadas, destacando-se a participação na II.ª Divisão Nacional na época de 1944/45, como representante da Associação Distrital de Castelo Branco, visto que o campeão distrital da altura (Sp. da Covilhã) já competia também nos nacionais. Em 1945 foi inaugurado o Campo dos Fiéis em Cebolais de Cima, num jogo entre o Indústria Cebolense e o convidado Sporting de Castelo Branco.

A equipa foi crescendo e começou a participar nos campeonatos distritais, com algumas paragens pelo meio, chegando ao futebol nacional pela segunda vez em 1958/59, ao competir na III.ª Divisão Nacional, onde jogou com dois históricos da região, o Benfica e Castelo Branco e o Viação Sernache, que se estreava, tempos em que as equipas de futebol no distrito eram poucas, e não havia ainda um campeonato distrital muito estruturado, levando os clubes a ter de jogar nos nacionais.

Ao longo da sua história o clube teve altos e baixos, consequências também da quebra da industria da tecelagem da qual a aldeia vivia, com o encerramento de dezenas de fabricas, que levaram muito gente a abandonar Cebolais de Cima. A equipa de futebol do Indústria Cebolense regressou ao futebol distrital apenas no inicio da década de 70, onde se manteve depois durante algumas décadas, oscilando entre a 1.ª e 2.ª divisões distritais, nesta última chegou a ser campeão em 1988/89. O clube atravessou depois uma paragem competitiva do futebol sénior na década de 90, mantendo apenas o futebol de formação, onde chegou a ter equipas de juniores, infantis e iniciados, conseguindo títulos distritais em algumas categorias, teve também actividade no futsal, onde venceu um campeonato distrital na época 1993/94, e competiu na II.ª Divisão Nacional. Ainda nesta modalidade aparece anos depois na aldeia a "ACECI - Associação Cultural  Recreativa e Desportiva de Cebolais de Cima", que passou a tomar conta do futsal sénior, onde competiu no campeonato distrital no inicio dos anos 2000.

O Cebolense só voltou ao futebol sénior em 2000/01, de novo no campeonato distrital, onde teve uma curta passagem, com a última época em 2003/04 na 2.ª Divisão Distrital. O clube entrou depois num período de inactividade, após ter passado por algumas dificuldades financeiras e directivas, e fechou portas. Foi reactivado apenas em 2010, por um grupo de cebolenses que queria ver de novo em pé este histórico do futebol distrital.

Atualmente realiza várias actividades sociais, culturais e desportivas, continuado a fazer jogos amigáveis de futebol apenas com uma equipa de veteranos, que joga no seu campo já recém requalificado. Um clube que guarda a história de um grande passado desportivo, e também do passado da actividade industrial da aldeia.

Sem comentários:

Enviar um comentário